É possível engravidar com trompas obstruídas?

Dra. Patrícia Varella Especialista em Ginecologia, Obstetrícia e Reprodução Humana Assistida

A obstrução das trompas é um dos vilões da fertilidade feminina

Que ela dificulta o processo de gestação nós sabemos, mas uma dúvida comum ainda é: mesmo com as trompas obstruídas, é impossível engravidar?

Esse texto solucionará essa e todas as suas dúvidas sobre trompas obstruídas e gestação!

Vamos começar! Primeiro, entenda qual a função das trompas durante a gravidez da mulher!

Qual o papel das trompas durante a gestação?

A trompa, também denominada de tuba uterina, é um órgão bastante delicado e fino, ligado ao útero. 

Em função da sua ligação com o útero, as tubas são responsáveis por captar o óvulo no exato momento da ovulação.

A partir disso, são nelas que acontece o encontro entre o óvulo e o espermatozóide, ou seja, a fecundação.

Isso significa que são nas trompas que o primeiro passo da gestação ocorre.

Entretanto, em alguns casos doenças, como infecções ou lesões, as tubas uterinas são afetadas e obstruídas.

Quando a trompa está obstruída, o que acontece?

Bem, o óvulo não consegue se encontrar com o espermatozóide, já que a passagem para ambos fica bloqueada, obstruída. 

O que causa trompa obstruída?

Diversos motivos podem causar a obstrução.

O principal são as infecções transmitidas sexualmente, como a clamídia.

Essa doença é responsável pela criação de uma colônia de massa e líquidos no interior das trompas, obstruindo a passagem.

Outro grande vilão é a endometriose, pois o sangue que escapa de dentro do útero pode ser direcionado para as trompas, entupindo-as. 

A aderência de trompa também é outra responsável pela obstrução. 

Pode ser causada por cicatrizes nas tubas uterinas, geradas após o parto ou alguma cirurgia na região. 

Afinal, em todos os casos de trompas obstruídas não é possível fecundar?

De fato, a obstrução das trompas reduz drasticamente as chances de fecundação.

Mas, em alguns casos, quando a obstrução não é com aderência, pode ocorrer a fecundação ou um fenômeno denominado gestação ectópica.

A gestação ectópica ocorre fora do útero e apresenta grandes riscos para a saúde e vida da mulher, já que pode ocasionar o rompimento das trompas.

Isso significa que mesmo com as trompas obstruídas existem chances (poucas) de engravidar. Mas, é necessário realizar avaliação e acompanhamento médico para delinear como prosseguir diante dessa condição e evitar complicações.

O tratamento para a obstrução é o melhor caminho para uma gestação saudável!

Como é o tratamento para trompas obstruídas?

Sua médica ginecologista e obstetra indicará o melhor tratamento para o seu caso.

Uma das opções é a cirurgia de desobstrução, que pode ser de 02 formas:

  1. Tradicional, cujo procedimento é similar a uma cesariana;
  2. Laparoscópica, cujo procedimento é minimamente invasivo, realizado através de uma microcâmera e uma pequena incisão.

Através da intervenção cirúrgica, as massas e líquidos que obstruem as trompas são retirados por completo. 

Após a eliminação do conteúdo que obstrui as trompas, o caminho para a fecundação está liberado!

Caso a paciente não deseje realizar a intervenção cirúrgica, existem tratamentos para a infertilidade indicado às mulheres com trompas obstruídas.

É o caso da fertilização in vitro e procedimentos de reprodução assistida, em que a fecundação ocorre artificialmente fora do útero!

Você pode verificar com sua médica ginecologista o melhor caminho para você!

Procure um tratamento especializado

Agende já sua consulta com a Dra. Patrícia Varella e receba um acompanhamento focado em suas necessidades!

Preencha o formulário e agende sua consulta

loading...

INFORMAÇÕES DO AUTOR:

Dra. Patrícia Varella Especialista em Ginecologia, Obstetrícia e Reprodução Humana Assistida

Médica formada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), também fez residência médica em Ginecologia e Obstetrícia na mesma instituição.
CRM-SP nº 93928