Ginecologista: Quem é a melhor?

Dra. Patrícia Varella Especialista em Ginecologia, Obstetrícia e Reprodução Humana Assistida

De acordo com pesquisas realizadas, 20% das mulheres não vão ao ginecologista com frequência e nesse percentual estão incluídas mulheres acima dos 16 anos que nunca visitaram esse profissional ou vão apenas de vez em quando. 

A saúde ginecológica é um ponto fundamental para a saúde da mulher e por isso saber mais sobre a ginecologia é um ponto inicial para a conscientização da sua importância na vida das mulheres desde a juventude a vida adulta.

Ginecologia

A ginecologia é um ramo da medicina que estuda, cuida e trata a saúde do aparelho reprodutor feminino. Ela cuida também da saúde das mamas e faz os principais diagnósticos das doenças que afetam as mulheres. Ou seja, é uma especialidade atenta à saúde da mulher como um todo.

Ginecologia e Obstetrícia

A obstetrícia acaba sendo uma parte da própria ginecologia. Isso porque ela é responsável por acompanhar o período gestacional, o parto e até o pós-parto. Apesar de que, geralmente, as especializações aproximam bastante as duas áreas e, por isso, hoje a maioria dos ginecologistas são, também, obstetras.

O importante é saber que a ginecologia é um campo mais amplo que abrange os cuidados da saúde da mulher. Enquanto que a obstetrícia tem uma responsabilidade mais restrita e um foco mais pontual que é o período de gestação, parto e pós-parto.

Por isso, apesar de estarem muito ligadas e relacionadas, atendem situações distintas no dia a dia. 

Qual a melhor de São Paulo?

Muitas mulheres têm dúvidas sobre onde e qual ginecologista frequentar quando inicia sua vida adulta. A clínica Patrícia Varella conta com a ginecologista, obstetra e especialista em reprodução humana assistida.

Seu objetivo é avaliar e acompanhar as suas pacientes com um tratamento eficaz, diferenciado, individualizado e humanizado com conhecimento em estudos renomados nas áreas da ginecologia, obstetrícia e reprodução humana assistida.

A clínica Patricia Varella oferece um ambiente versátil, aconchegante, confortável e equipado com o que cada profissional necessita para seus pacientes.

Importância da ginecologia

A ginecologia é essencial para que se possa prevenir as mais diversas doenças, assim como também é um grande facilitador para quem quer engravidar. Afinal de contas é uma especialidade inteira voltada somente à preocupação com a saúde da mulher. 

Muito além de diagnosticar doenças, a ginecologia pode ajudar a preveni-las. Também é com a ginecologia que a mulher pode melhorar a sua vida sexual e passa a conhecer a si mesma. A fim de conhecer os sinais que o próprio corpo dá e conhecer seu próprio poder.

Doenças ginecológicas 

Aqui citamos algumas das doenças ginecológicas mais comuns que o ginecologista cuida, sendo:

  • Cistos de ovário;
  • Endometriose;
  • Mioma uterino;
  • Doença inflamatória pélvica;
  • Candidíase;
  • Vaginose;
  • Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs).

Em check-ups com ginecologistas, as mamas também são examinadas em busca de caroços. Assim, fazendo exames preventivos contra o câncer de mama. Por isso, é importante ressaltar que o câncer de mama é uma doença também muito comum às mulheres.

Razões para ir ao ginecologista regularmente

Você sabe por que deve ir ao ginecologista mesmo sem ter constatado nada de diferente com seu corpo? Listamos 4 razões abaixo:

  • Pedir orientações. Aproveite para pedir orientações sobre higiene ginecológica e coisas que podem melhorar a sua saúde;
  • Fazer exames e saber se está tudo certo mesmo;
  • Prevenir e/ou tratar o que for preciso;
  • Tirar dúvidas. Sobre o que você quiser!

Quando procurar um ginecologista?

Procurar um ginecologista pode ser em diferentes momentos da sua vida, como:

Primeira consulta

A primeira consulta é ideal logo após a primeira menstruação. A partir daí, alguns cuidados e algumas orientações serão qualificadas quando feitas pelo especialista e o pediatra já não é mais o médico ideal.

Nesse momento é essencial que haja a primeira consulta para se ter certeza que tudo está certo. Tal como hormônios, ciclo menstrual, a idade da menstruação, entre outros.

Mas, se a primeira consulta não aconteceu nesse momento, é importante que ela ocorra antes da primeira relação sexual. Isso porque, o especialista passará uma série de recomendações e orientações que são essenciais para a saúde sexual das mulheres.

Prevenção

Anualmente é uma boa frequência. Assim, você poderá tirar suas dúvidas, buscar as orientações necessárias e deixar seus exames em dia. Mas para a prevenção, é muito importante que você busque seu ginecologista com regularidade.

Diagnósticos ou doenças

Para algum diagnóstico, é imprescindível que você busque um ginecologista no mesmo momento em que perceber alguma anormalidade no seu corpo. 

Por isso a ginecologia é tão importante: ao passar com um ginecologista regularmente, você poderá se conhecer e reconhecer os sinais que seu corpo dá ao demonstrar quando algo não está certo.

Alguns sintomas podem indicar a necessidade de marcar uma consulta, como:

  • Menstruação atrasada;
  • Excesso ou ausência de menstruação;
  • Dores na pelve;
  • Corrimentos;
  • Dores durante a relação sexual.

Tratamento de doenças

Para o tratamento de doenças é necessário que você siga à risca as orientações do seu ginecologista. Afinal, você poderá precisar de exames frequentes e um acompanhamento mais rígido.

Gravidez

Durante a gravidez, é essencial que você compareça às consultas de pré-natal. Assim, você poderá ter certeza de que tudo está bem com você e com o seu bebê. É importante que você se conheça e conheça o seu corpo. Porque, ao sentir algo estranho, você deverá procurar seu ginecologista e obstetra.

Dúvidas durante a consulta

Durante a sua consulta com o ginecologista, você poderá perguntar o que quiser e o que precisar. O importante é não se sentir tímida, mas perguntar tudo que quiser saber. Afinal de contas, às suas perguntas serão pela sua saúde.

Veja algumas perguntas que são mais comuns e que você pode querer saber mais sobre:

  • Métodos contraceptivos. Qual o melhor para você?
  • Você está sentindo alguma dor diferente? Não hesite em perguntar!
  • Você notou alguma anormalidade no seu corpo? Comente e pergunte.
  • Pergunte por recomendações que possam melhorar a sua saúde.
  • Sua TPM e cólicas menstruais têm dado trabalho? Pergunte o que pode ajudar.
  • Pergunte também sobre sua libido, se sentir necessidade. Aproveite para tirar suas dúvidas sobre as relações sexuais.
  • Não se esqueça de perguntar sobre métodos preventivos de IST’s (Infecções Sexualmente Transmissíveis).

Saúde ginecológica

Confira algumas dicas e cuidados para você ter com a sua saúde ginecológica.

  • Prevenir DSTs é fundamental;
  • Higiene é essencial, mas sua a vagina possui uma proteção natural, chamada de flora vaginal e ela deve ser respeitada. Cuidado com os produtos que você usa. Pergunte ao seu ginecologista qual é o melhor produto para você;
  • A alimentação tem tudo a ver com a sua saúde íntima. Isso porque alguns alimentos podem modificar o Ph da sua vagina e interferir na sua flora vaginal. Por isso, cuide bem da sua alimentação;
  • Assim como a prática de exercícios físicos e o cuidado com a sua saúde mental também podem influenciar no seu corpo todo;
  • Durma bem, o sono afeta diretamente nossos hormônios;
  • Realize seus exames de rotina e não deixe de se consultar com um especialista;
  • Fortaleça o assoalho pélvico, faça fisioterapia, pilates e ioga e sinta os benefícios.

Quer saber mais sobre ginecologia? Agende sua consulta

Artigo escrito pela Dra. Patrícia Varella

Ginecologista, obstetra e especialista em reprodução humana assistida

Preencha o formulário e agende sua consulta

loading...

INFORMAÇÕES DO AUTOR:

Dra. Patrícia Varella Especialista em Ginecologia, Obstetrícia e Reprodução Humana Assistida

Médica formada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), também fez residência médica em Ginecologia e Obstetrícia na mesma instituição.
CRM-SP nº 93928